Whistleblowing

WHISTLEBLOWING

WHISTLEBLOWING

O whistleblowing (literalmente “apitar”) indica o ato de comunicar atos ilícitos e é regulamento pela lei 179/2017.
O objetivo principal para o qual nasce é incentivar a colaboração dos trabalhadores para facilitar o emergir de fenômenos de corrupção em entidades privadas e públicas, com a previsão de sistemas que permitem aos trabalhadores de comunicar em segurança os eventuais atos ilícitos que conhecem.
A este propósito, as empresas do Grupo SMI disponibilizam uma plataforma online de acesso livre a dependentes, colaboradores internos e externos especificamente dedicada para as comunicações.

Whistleblowing Portal é acessado diretamente pela Internet e está sujeito à política “nolog” para impedir a identificação do informador que deseje ficar anônimo. No seu interior é requisitado o preenchimento de um questionário para guiar o fornecimento de informações detalhadas. Além disso é possível anexar documentos de suporte para facilitar uma informação completa e precisa. Assim que o questionário é enviado, ao informador é atribuído um código que será necessário conservar para poder voltar a entrar no portal para controlar o estado da comunicação.

Alternativamente à plataforma online, é possível comunicar atos ilícitos por correio para o departamento Whistleblowing da empresa.